Serpa Pinto

Naquela madrugada de setembro de 1878, Serpa Pinto ouve primeiro uma aziaga a cortar o silêncio da noite africana. Em segundos vê o seu acampamento rodeado por guerreiros em fúria. Tinha deixado a baía de Luanda há mais de um ano, resistia no centro de África, a meio caminho entre o Atlântico e o Índico.

16.00
Vista rápida

Sete Vidas

Seres misteriosos, caçadores exímios e fonte de inspiração de artistas, os gatos são companheiros leais para quem esteja disposto a partilhar com eles a sua vida. Confidentes, amigos e parceiros dedicados nas horas de solidão e nos momentos mais difíceis, por vezes verdadeiros terapeutas, os gatos são, por tudo isso, uma parte fundamental da vida de muitas pessoas.

16.00
Vista rápida

Sissi

Ninguém melhor que Catalina de Habsburgo para nos relatar os últimos anos da atormentada existência da imperatriz Isabel de Áustria-Hungria. Através da correspondência que a dama de companhia da imperatriz manteve com a sua irmã, é-nos revelada a intimidade da soberana, a sua perpétua inquietude, a relação especial com o marido e o mistério que rodeia a morte de muitos dos seus entes mais queridos, principalmente do seu filho e herdeiro da coroa imperial, o arquiduque Rodolfo.

21.00
Vista rápida

Sissi

A verdadeira história de Elizabeth, Imperatriz da Áustria e rainha da Hungria

22.90
Vista rápida

Só é Feio Quem Quer

“Nestas páginas não vais ler que o visual da celebridade A ou B é o caminho que deves seguir. Este

16.90
Vista rápida

Soldados de Honra

De repente tudo muda na vida dos homens do 106.º regimento de infantaria do exército britânico. No verão de 1808 deixam para trás as formalidades civilizadas de Inglaterra para combater numa guerra selvagem e brutal, contra os exércitos conquistadores de Napoleão que devastam sem misericórdia toda a Europa, nomeadamente a Península Ibérica. Para Hamish Williams, com falta de meios para conseguir uma comissão e a servir nas fileiras como voluntário, a única forma de progredir é provar o seu valor em ação

23.00
Vista rápida

Somos todos idiotas

Somos todos, acima de tudo, hipócritas. Desde o próprio autor, que criticou ao longo deste livro tantas coisas nas quais acaba por se rever, até nós, que nos rimos em clara concordância, mas que – secretamente – também fazemos tudo, ou quase, o que juntos criticámos.

14.00
Vista rápida

Sophia

A jornalista Isabel Nery traz-nos no seu novo livro, a primeira biografia de Sophia de Mello Breyner Andresen, no ano em que se assinala o centenário do seu nascimento. A autora percorreu lugares e pessoas que fizeram parte da sua história, como o Porto, a Grécia, Lagos, a Travessa das Mónicas na Graça, ou a pequena ilha de Föhr, no mar do Norte, de onde Jan Andresen, seu bisavô era originário, ou entrevistando mais de 60 pessoas, do pescador José Muchacho, ao amigo Manuel Alegre, até ao ensaísta Eduardo Lourenço, passando por companheiros das letras e da política, família, tradutores e investigadores. Só assim foi possivel completar a biografia que faltava sobre a primeira portuguesa a receber o Prémio Camões e a única mulher escritora com honras de Panteão Nacional, a quem muitos gostavam de ter visto atribuído o Prémio Nobel.

22.00
Vista rápida

SOS – Tenho de passar de ano

Sabes fazer um bom resumo? Conheces as técnicas mais indicadas para sublinhar um texto? Sabes que abreviaturas usar para tirar apontamentos? Qual o ambiente mais favorável para o estudo? É produtivo ouvir música ou ver televisão enquanto estudas? Sabes como te deves preparar para um exame escrito ou uma prova oral? Em que situações deves recorrer a um explicador? Estas são algumas das questões abordadas neste livro.

14.00
Vista rápida

SOS Manipuladores

A mediadora familiar Margarida Vieitez e o psicólogo Fernando Mesquita, recorrendo a casos reais e a exercícios práticos, explicam-lhe tudo o que precisa de saber para evitar ou afastar estas pessoas da sua vida: os sinais a que deve estar atento, as estratégias de manipulação geralmente utilizadas e os comportamentos que deve ter para não se deixar «intoxicar».

15.50
Vista rápida

Spínola

Em 1961 tomou uma decisão que mudaria para sempre a sua vida: ofereceu-se como voluntário para a guerra em Angola. Começava assim a construção do mito em torno de António de Spínola. Uma imagem que se fortaleceu na Guiné, onde desempenhou os cargos de governador-geral e de comandante-chefe. O homem que uns meses antes agitou o país com a publicação de Portugal e o Futuro, onde defendia que o problema colonial português não teria uma solução militar.

38.00
Vista rápida

STARS. A academia dos sonhos

Ali adora dançar. É a coisa que ela mais gosta de fazer no mundo e por isso não tem dúvidas

12.90
Vista rápida