O Economista Insurgente

Já alguma vez se perguntou por que é que temos salários tão baixos e mesmo assim dizem que têm de ser ainda mais baixos? Porque é que os profesores estão sempre a protestar? Porque é que as empresas de transportes públicos não funcionam e andam sempre em greve? Sabe porque é que não se conseguem cobrar dívidas neste país? De onde vem a dívida do estado? Porque é que os partidos de governo são sempre os mesmos?

15.00

ISBN: 978-989-626-569-4 Categoria:

Já alguma vez se perguntou por que é que temos salários tão baixos e mesmo assim dizem que têm de ser ainda mais baixos? Porque é que os profesores estão sempre a protestar? Porque é que as empresas de transportes públicos não funcionam e andam sempre em greve? Sabe porque é que não se conseguem cobrar dívidas neste país? De onde vem a dívida do estado? Porque é que os partidos de governo são sempre os mesmos? O combustível é tão caro em Portugal por algum motivo? Será que os patrões em Portugal são menos generosos com os salários do que no resto da Europa? Porque é que há falta de médicos em Portugal? Estas são algumas das 101 perguntas incómodas sobre Portugal que encontram resposta clara, frontal e objetiva nas páginas deste livro. Perguntas que todos nós nos fazemos, no nosso dia-a-dia, e para as quais a economia pode dar uma resposta. A economia é uma disciplina com má reputação, graças à suposta incompetência dos economistas em encontrar soluções para a atual crise económica. O que é certo é que todos os dias cidadãos, políticos e comentadores televisivos opinam sobre economia na comunicação social e graças à sua falta de conhecimento sobre o tema contribuem para criar falácias e mitos que, de tão repetidos que são, acabam por ser aceites como verdadeiros, deturpando a realidade económica do país e o processo de decisão política. Um número surpreendente de problemas no país, mesmo os que parecem fora da esfera económica, devem-se a estas falácias e mitos. Neste livro, Miguel Botelho Moniz, Carlos Guimarães Pinto e Ricardo Gonçalves Francisco, que escrevem sobre economia no controverso blogue O Insurgente, respondem a algumas das perguntas mais comuns sobre os problemas que abalam Portugal, nas suas mais diversas áreas, da saúde e educação à justiça, dos transportes, ao sector energético e dos combustíveis. Não esquecendo a crise que o país tem atravessado nos últimos 10 anos e que culminou no pedido de ajuda financeira em 2011, analisando com isenção e do ponto de vista económico a atual situação portuguesa, as suas causas e os seus efeitos.

Uma obra essencial para compreender aquilo que os políticos não explicam.